Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Quem leu A Cabana de William P. Young??
Dom Abr 26, 2015 1:01 pm por Everton Marques Ribas

» Dicas de Leitura para mim
Qui Nov 06, 2014 3:53 pm por amelieS

» Erica Cardoso
Qui Jul 31, 2014 9:44 pm por Erica Cardoso

» MEU LIVRO DE AEROMODELISMO
Seg Jul 21, 2014 8:56 pm por yoda

» [AD]Ma3x MU Online Season 7,Experience 10&15x NO RESET!
Dom Maio 18, 2014 4:32 pm por jacklin

» AMIGOS TOTALMENTE DIFERENTES (blog)
Sab Fev 15, 2014 10:11 pm por jorge2009sts

» BENÇÃO OU MALDIÇÃO: FESTA DE DEBUTANTE (cap. final)
Sex Fev 07, 2014 11:18 pm por jorge2009sts

» BENÇÃO OU MALDIÇÃO: FESTA DE DEBUTANTE (cap. 5)
Sex Fev 07, 2014 10:31 pm por jorge2009sts

» BENÇÃO OU MALDIÇÃO: FESTA DE DEBUTANTE (cap. 4)
Sex Fev 07, 2014 10:30 pm por jorge2009sts

» BENÇÃO OU MALDIÇÃO: FESTA DE DEBUTANTE (cap. 3)
Sex Fev 07, 2014 10:28 pm por jorge2009sts

Quem está conectado
2 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 2 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 117 em Qua Jun 23, 2010 11:45 pm
Votação

O que mais te atrai no clube do livro?

44% 44% [ 128 ]
31% 31% [ 89 ]
11% 11% [ 31 ]
4% 4% [ 13 ]
10% 10% [ 28 ]

Total dos votos : 289


[desejos] AH! NÓS, OS HOMENS!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[desejos] AH! NÓS, OS HOMENS!

Mensagem por Manoel de Jesus Santos Ba em Qui Set 23, 2010 7:13 am

AH! NÓS, OS HOMENS!
Qual a mulher que nunca se sentiu despida, diante de um olhar masculino? Lógico que estou me referindo a aquelas que andam vestidas. Qual a mulher, que ao sentar-se, em lugar público, e ao cruzar as lindas pernas, nunca flagrou um homem, olhando-as com um olhar um tanto ou quanto apalpador?
Pois é! Nós, os homens, somos assim mesmo. Já nascemos com um olhar geométrico, capaz de medir o diâmetro de uma coxa, uma cintura ou um par de seios de uma mulher a centenas de milhas de distância ( claro que isso é uma hipérbole )
Existem aqueles que com o passar do tempo vão apurando o olhar, chegando a ponto de se tornar um olhar clínico, mais precisamente, um olhar ginecológico! Esses são aqueles que ao verem uma fêmea, lançam um olhar direito ao ponto.
Não posso deixar de mencionar, os mais discretos, os mais tímidos, que no universo de homens, são uma minoria. Contudo, mesmo esses, não deixam de ter um olhar menos apurado, menos geométrico, menos ginecológico que os incompusivos, indiscretos e atrevidos. Entretanto, por serem discretos, olham de soslaio, ou, quando a “caça” está de costas, para o nosso tímido caçador.
Não estou tentando arrumar azo para o comportamento masculino. Porém, isso é tudo culpa da testosterona. Calma, querida leitor (a)! Não tire conclusões precipitadas, pois essa testosterona de qual falo, não é nenhuma outra mulher. Testosterona é o hormônio masculino responsável pela desenfreada apetite sexual masculina.
Não sou nenhum sexológo e muito menos trabalho em áreas afins. Por isso peço desculpas a esses profissionais, por qualquer deturpação em minhas explicações, OK!
A coisa funciona mais ou menos assim: o homem sai de sua casa para ir passear( observe que ele não saiu para conquistar nenhuma mulher), despreocupado e inocentemente, quando, de repente, surge em sua frente a mais perfeita e sublime obra de arte feita por Deus: a mulher. Os gregos a chamam de ninfa, musa ou mesmo de deusa. E cá entre nós, eles têm ou não têm razão? Claro que eles têm!
É nesse momento do encontro que o bicho pega. Inexplicavelmente, o homem, acostumado a mandar e desmandar, se vê governado por uma força que ele não consegue dominar. Nada mais, no corpo, o obedecem, muito menos os olhos( nãos se esqueça, leitor (a), que os tímidos olham de soslaio, isto é, pelos cantos dos olhos. E de tanto olharem pelos cantos dos olhos, adquirem uma incrível visão periférica.
E ao contrário do que muitos pensam o centro do sexo, não fica nos testículos, mas sim, no cérebro. Nele existe uma minúscula região de aproximadamente, 4,5 gramas. Essa região também controla as emoções, as batidas do coração e a PRESSÃO SANGUINEA. Esta área chama-se hipotálamo.
E para o desespero das mulheradas, o hipotálamo nos homens é muito maior, que nas mulheres e a testosterona é de 10 a 20 vezes mais também, nos homens. Então, caro leitor(a), se levarmos em consideração as proporções quantitativas, entenderemos o porquê de tanto apetite sexual em nós, os homens.
Por isso aconselho, aos homens casados, a não olharem para uma outra mulher, haja vista que, os olhos ficam próximos do cérebro. Porque quando olhamos, o hipotálamo é bombardeado pela testosterona e as emoções se descontrolam, o batimento cardíaco acelera e a pressão sanguinea vai para o beleléu.
Agora não mais para o desespero, mas sim para o sossego e satisfação do égo, das mulheradas. Vocês, mulheres! Nasceram para brilhar e desmandar, em nós, os homens. Infelizmente muitas mulheres ainda não se aperceberam de tal fato. Essas continuam presas por concepção machista.
Entretanto alguns homens, os inteligentes, já se deram conta da superioridade feminina. Leia o que diz Aluizio Azevedo em, O Cortiço: "agora encarando as lágrimas de Bruno, ela (Pombinha) compreendeu e avaliou a fraqueza dos homens, a fragilidade desses animais fortes, de músculos valentes, de patas esmagadoras, mas que se deixam encabrestar e conduzir pela soberana mão da fêmea.
Que estranho poder era esse, que a mulher exercia sobre eles, a tal ponto, que os infelizes, carregados de desonra e ludíbrio, ainda vinham covardes e suplicantes mendigar-lhe o perdão pelo mal que ela lhes fizera?...
[...]. E continuou a sorrir, desvanecida da sua superioridade sobre esse outro sexo, vaidoso e fanfarrão, que se julgava senhor e que, no entanto, fora posto no mundo simplesmente para servir ao feminino; (...). ( O Cortiço, 1981. Abril Cultural, p. 141 e 142).
O leitor(a), certamente deseja saber em qual categoria encontro-me, se nos tímidos ou nos atrevidos, não é verdade? Portanto, aqui vai a resposta: sou introvertido e introspectivo. Por isso faço minhas, as palavras de Gregório de Mattos Guerra :

Pequei, Senhor; mas não porque hei pecado.
Da vossa alta clemência me despido:
Porque, quanto mais tenho delinquido,
Vos tenho a perdoar mais empenhado.

Se basta a vós irar tanto pecado
A abrandar-vos sobeja um só gemido;
Que mesma a culpa, que vos há ofendido,
Vos tem para o perdão lisonjeado.

Se uma ovelha perdida, é já cobrada
Glória tal e prazer tão repentino
Vos deu, como afirmais na sacra história:

Eu sou, Senhor, ovelha desgarrada;
Cobrai-a; não queiras, pastor divino,
Perder na vossa ovelha a vossa glória.

Manoel de Jesus Santos Ba
Iniciante
Iniciante

Capricórnio Macaco
Número de Mensagens : 4
Idade : 48
Q.I. : 13
Reputação : 0
Data de inscrição : 16/09/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum